CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS E FATORES ASSOCIADOS AO TEMPO DE INTERNAÇÃO APÓS PROCEDIMENTO DE POSTECTOMIA NA POPULAÇÃO PEDIÁTRICA

Autores

  • Ana Flávia Pereira da Silva
  • Augustus Fagundes Silva
  • Caio Luís Martins Bortolussi
  • Leticia Nunes Torres
  • Maria Luisa Pissolato
  • Matheus Franzotti Rozza
  • Vanessa Maria de Almeida Araújo
  • Rosa Maria Elias
  • Hugo Dias Hoffmann Santos

DOI:

https://doi.org/10.52908/coorte.v16i16.321

Resumo

Objetivo: Identificar as características da população pediátrica que realizou postectomias e fatores associados ao tempo de internação pós cirurgia no Brasil entre 2008 e 2022. Métodos: Estudo observacional, analítico de corte transversal com dados provenientes do Sistema de Informações Hospitalares (SIH-DATASUS), de pacientes pediátricos que realizaram postectomia no Brasil entre 2008-2022. Resultados: Foram realizadas 474.094 postectomias durante o período do estudo, com maior prevalência nos anos de 2018 até 2022, na faixa etária entre 1 e 5 anos em procedimentos de hipertrofia do prepúcio, fimose e parafimose (99,78%) realizados na região Sudeste (51,19%) em caráter eletivo (87,35%). A maioria dos pacientes estiveram internados por 1 dia ou menos (91,91%), sem necessidade de UTI (99,98%). A necessidade de internação em UTI, caráter de internação de urgência e o período do procedimento entre 2013 e 2022, aumentaram significantemente as chances de internação por dois dias ou mais (acima do esperado), enquanto a faixa etária de 0-5 anos, reduziu em 42% a chance de internação por um período acima do esperado. Conclusão: A cirurgia de postectomia na faixa etária pediátrica é um procedimento de baixo risco e de baixa permanência hospitalar prolongada.

Palavras-Chave: Postectomia; Fimose; Pediatria; Hospitalização.

Downloads

Publicado

12/20/2023

Como Citar

Silva, A. F. P. da, Silva, A. F., Bortolussi, C. L. M., Torres, L. N., Pissolato, M. L., Rozza, M. F., … Santos, H. D. H. (2023). CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS E FATORES ASSOCIADOS AO TEMPO DE INTERNAÇÃO APÓS PROCEDIMENTO DE POSTECTOMIA NA POPULAÇÃO PEDIÁTRICA. COORTE - Revista Científica Do Hospital Santa Rosa, 16(16). https://doi.org/10.52908/coorte.v16i16.321

Edição

Seção

Artigos Originais / Artigos de Revisão